Ghee

4V7A0858_1980x1297

Ghee

Ghee is the most Sattvik food article among all. It is a yogic tradition to mix the ghee during all meals of the day. Ghee provokes the digestive system, reduces Pitta. It also supports the freshness of the mind, long life and strengthens the memory. It may also be used as a lubricant. The prepared ghee should be consumed within a month or two. Ayurvedic doctors have been using ghee for different kinds of treatment for over 100’s of years.

The good quality of ghee rests on the quality of butter, so use the best available and use unsalted.

Āyurveda recommends for overall health to add a spoon of ghee with one’s morning and evening meal. It is recommended to add ghee in the liquid form (melted) when adding it directly to your food.

Preparation time – 12 – 15 minutes

Makes – 1½ cups

4V7A0863_1980x12974V7A0825_1980x1297

Ingredients:

500 grams, unsalted organic butter

Preparation:

Place the butter in a heavy-bottomed saucepan and bring it to a gentle boil over medium heat.  It will take approximately 5 minutes to melt down. Initially, it will froth and foam, and then begin to settle down.

4V7A0833_1980x12974V7A0837_1980x1297

Around the 8 minute mark, the froth will subside, it will then start to bubble and crackle quite vigorously and with much noise.  It will continue like this for another 3 – 4 minutes, then the bubbling will soften. You will know you are near the end when the ghee boils rapidly, then begins to slow down.  Use your sense of hearing as you will hear the intense bubbling, then a quieter sound.  Watch carefully, the ghee will burn quickly at this stage. Burnt ghee takes on a granular texture when chilled and turns a dull beige colour because the lactose sugars have caramelized to burned.

Cook until a thin crust begins to form on the surface and milky-white solids fall to the bottom of the pan.

4V7A0844_1980x1297

Turn off the heat, and allow the pot to continue to sit on the stove, it will continue to bubble slightly. Eventually, it will turn from white to fawn-coloured.  The ghee will become clear, translucent and pleasantly fragrant, it is done.  Allow to cool slightly in the pan.

4V7A0847_1980x12974V7A0852_1980x1297

It is optional to pour the hot ghee through a very thin sieve.  You can use a tea strainer.  Or alternatively allow the ghee to settle and pour the ghee as is, into a jar using the leftover residue to make a delicious treat.  See below.  

Additionally, the residue left in the strainer and the pot can be turned into a sweet.  Add ½ cup whole wheat flour to pot, stir for 5 minutes on medium heat. Add 2 teaspoon of sweetener, jaggery or unrefined sugar and keep stirring another 2 minutes.  Add ½ cup milk, stir and turn off heat. Form into balls and enjoy!  An alternative combination: use sooji (cream of wheat) and coconut or add to a pot cooked brown rice.

COOKING BENEFITS

  • Excellent cooking oil – since ghee doesn’t start smoking until it’s heated to 375 degrees Fahrenheit, it will neither burn nor splatter easily. Its chemical structure also remains more stable than other oils when heated.
  • Stores well – due to its low moisture content, ghee can go weeks without refrigeration. It can last up to 6 months in the fridge.

The key to ghee longevity: Store it somewhere cool, keep it covered and avoid letting any moisture or water into the ghee as this promotes bacterial growth.

  • As it sits it will become semi-soft and creamy.  (Unless you live in a very hot climate, it will stay liquid.)  

 

GHEE

Ghee é uma substância excepcional, derretido verte como ouro líquido. À temperatura ambiente é semi-sólido e cremoso. Pode ser conservado à temperatura ambiente durante meses e aquecido a altas temperaturas sem queimar.
São precisos apenas alguns momentos para o confeccionar em casa. É feito a partir da manteiga atrás da separação dos sólidos do leite, tornando-se mais fácil de digerir e uma alternativa saudável à manteiga ou ao óleo ou até mesmo para adicionar sabor à comida.
Para uns é conhecido como manteiga purificada para outros é o elixir dourado da cura.
“O ghee é uma fonte de betacarotenos e vitaminas A,D,E e K. Os betacarotenos e a vitamina E são potentes antioxidantes que ajudam a prevenir os danos no corpo. Contém entre 4-5% de ácido linoléico, uma gordura essencial que frequentemente existe em défice na dieta vegetariana. Devido à remoção da caseína da manteiga, o ghee não tem lactose e não contém nenhum colesterol oxidado”.
De acordo com o texto Aiurvédico sobre a saúde “o ghee é bom para os olhos, estimula a digestão, reforça o brilho da pele, melhora a memória e a resistência, regula as hormonas e ajuda a promover uma maior longevidade.”
O ghee cura o corpo a partir de dentro. Em Aiurveda, o ghee é distinguido como um dos alimentos mais sátvicos. Os médicos de medicina Aiurvédica usam-no há centenas de anos. É conhecido por reduzir o calor no corpo, aguçar a memória e o intelecto, lubrificar e fortalecer o sistema digestivo. Ajuda-o a atingir níveis de consciência superiores assim como na sua caminhada em direção à realização.
É uma tradição iógica juntar ghee diariamente em todas as refeições.
Esta receita faz aproximadamente 11/2 chávena de ghee e leva 10-12 min de preparação. A boa qualidade do ghee reside na qualidade da manteiga. É por isso importante usar uma manteiga de muito boa qualidade e sem sal.

INGREDIENTES

• 500 gr de manteiga biológica sem sal.

PREPARAÇÃO

1. Numa caçarola de fundo pesado, deixe ferver a manteiga em lume médio. Levará aproximadamente 5 minutos até derreter.

Inicialmente irá ganhar corpo e ficar espumoso e depois assentará no fundo.

2. Por volta do 8º minuto a espuma permanecerá, começará a borbulhar e a estalar de forma vigorosa. Continuará assim por mais 3-4 min até o borbulhar começar a enfraquecer.

3. Saberá que está quase a terminar quando o ghee começar a ferver rapidamente e depois abrandar. Use o seu ouvido, primeiro ouve um estalar intenso e depois o som ameniza. Vigie cuidadosamente esta fase porque rapidamente poderá queimar. Um ghee queimado tem uma textura granulada quando arrefecido e uma cor opaca – devido à caramelização do açúcar da lactose.

4. Cozinhe até se formar na superfície uma crosta fina e os sólidos brancos do leite submergirem no fundo da panela.
“Quando se tornar mais experiente a fazer ghee… eu gosto de deixar ferver mais 30 segundos após o término do borbulhar para intensificar o sabor. Faça-o com cautela porque se queima facilmente. Por norma deixo sempre uma colher de madeira por perto porque dependendo da qualidade/marca da manteiga a espuma pode derramar para fora e desta forma mexo a espuma para não entornar.”

5. Desligue o lume e mantenha a caçarola no fogão, continuará a borbulhar ligeiramente. A cor passará de branco para castanho-amarelado. O ghee ficará pronto quando estiver transparente, translúcido e com uma prazerosa fragrância. Permita que arrefeça ligeiramente.

6. Passe o ghee por um coador muito fino. Eu uso um coador de chá. Evite qualquer mistura ou água dentro do ghee porque isto promove a proliferação bacteriana.

7. À medida que assenta torna-se semi-sólido e cremoso (excepto se viver num clima quente, aqui ficará líquido). Não precisa de ir para o frigorífico e pode ficar meses na sua bancada da cozinha. Nunca dura muito tempo aqui por casa.

Use como substituto do óleo/manteiga quando cozinha. Também pode ser usado para cortar o picante da comida.

Leave a Reply

Your email address will not be published.